Skip to main content
Logótipo da Comissão Europeia
Stand Up for Ukraine: Global campaign
Visit of Ursula von der Leyen, President of the European Commission, to Poland

O evento e a campanha mundial de doadores «Stand Up for Ukraine» angariaram 9,1 mil milhões de EUR para as pessoas que fogem da invasão russa, dentro e para fora da Ucrânia, incluindo mil milhões de EUR da Comissão Europeia. Além disso, o Banco Europeu de Reconstrução e Desenvolvimento anunciou um empréstimo adicional de mil milhões de EUR para cobrir as necessidades das pessoas deslocadas pela invasão.

A solidariedade, dos países, empresas e pessoas em todo o mundo, oferece alguma luz nesta hora negra. A campanha «Stand Up for Ukraine» angariou 9,1 mil milhões de euros para as pessoas que fogem dos bombardeamentos, dentro e para fora da Ucrânia, com mais mil milhões de euros prometidos pelo BERD. E mais virão. Continuaremos a prestar apoio. Depois de as bombas terem deixado de cair, ajudaremos o povo da Ucrânia a reconstruir o seu país. Continuaremos a estar presentes para a Ucrânia.

Ursula von der Leyen, presidente da Comissão Europeia

Hoje, angariámos mais de 12,4 mil milhões de dólares canadianos para continuar a apoiar o povo ucraniano que foi deslocado devido à guerra em curso e injustificável de Putin. Quer se trate de alimentos, água, abrigo ou assistência médica, continuaremos a apoiá-lo e a prestar a assistência de que necessita neste momento. Somos solidários com a Ucrânia.

Justin Trudeau, Primeiro-Ministro do Canadá

O evento de angariação de fundos «Stand Up For Ukraine», que será organizado em linha, concluirá uma campanha mais alargada nas redes sociais que foi lançada pela Comissão Europeia e pelo Governo do Canadá em 26 de março, em parceria com o movimento «Global Citizen». 

A campanha respondeu a um pedido de apoio lançado pelo presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelenskyy. O objetivo da campanha era angariar fundos e outros tipos de apoio para dar resposta às necessidades das pessoas deslocadas internamente na Ucrânia. Em particular:

  • os 4 milhões de pessoas que já procuraram abrigo na UE e aos outros que provavelmente ainda virão: o financiamento será utilizado para dar resposta às suas necessidades a curto e médio prazo nos Estados-Membros da UE, desde a alimentação, a habitação e os cuidados médicos até à educação e ao emprego.
  • os 6,5 milhões de pessoas, incluindo 2,5 milhões de crianças, que tiveram de abandonar as suas casas mas permaneceram na Ucrânia e estão agora deslocadas internamente: o financiamento e as doações proporcionar-lhes-ão cuidados humanitários vitais.

Em reconhecimento do papel essencial da Polónia no apoio aos refugiados que fogem da invasão da Ucrânia, a conferência de doadores teve lugar em Varsóvia, com a participação do Presidente Andrzej Duda.

 

Multimedia